09/02/2018 às 17:58:00

Gilberto Garcia visita obras de expansão da Cocamar

Gerente da cooperativa e responsável pelas obras acompanharam o prefeito e o secretário de desenvolvimento integrado, Hernandes Ortiz

Glaucia Piovesan
Foto: João Claudio
Foto: João Claudio
Foto: João Claudio
Foto: João Claudio
Foto: João Claudio
Foto: João Claudio

Atendendo ao convite da gerência da unidade local da Cocamar (Cooperativa de Cafeicultores e Agropecuaristas de Maringá), o prefeito de Nova Andradina, Gilberto Garcia visitou nesta manhã (9), as obras de construção de um conjunto de silos, que ampliará a capacidade estática de armazenamento em mais de 68 mil toneladas.

Juntamente com secretário de meio ambiente e desenvolvimento integrado, Hernandes Ortiz, Gilberto foi recebido pelo gerente de produção, João Carlos de Souza, e pelo supervisor operacional, responsável pelo empreendimento, José Carlos Decleva. 

Em fase de expansão no município de Nova Andradina, a Cocamar (Cooperativa de Cafeicultores e Agropecuaristas de Maringá) está investindo em estrutura de armazenagem de grãos na unidade local.  Hoje, a capacidade estática é de 42 mil toneladas ou 700 mil sacas. Após o término das obras passará a ser de 110 toneladas. O plano de expansão da cooperativa é dobrar o seu tamanho em cinco anos e chegar ao ano de 2020 com faturamento de R$ 6 bilhões.

Ao se deparar com a grandiosidade do empreendimento, Hernandes Ortiz destacou o trabalho da cooperativa no apoio à produção da soja e do milho, principalmente e o potencial de crescimento do setor produtivo.

“A nossa região está expandindo as áreas de plantio de grãos. Saltamos de 20 mil hectares para 100 mil hectares. A tendência é de crescimento. Com o uso de novas tecnologia e o trabalho das cooperativas junto aos criadores, vamos aumentar a produtividade e atingir índices superiores a outros estados brasileiros”, declarou o gestor.

Para o prefeito Gilberto Garcia, Nova Andradina conseguiu diversificar a agricultura. Além da pecuária, a cidade tem áreas ocupadas com cana-de-açúcar, a soja, o milho e outras culturas em menor escala. A presença das cooperativas e prestadores de serviços neste setor confirmam este potencial. A preocupação da administração, agora, é em dotar essa região de infraestrutura para atender a demanda de caminhões, que deve aumentar nos próximos meses.

 “O volume de caminhões para a carga e descarga de grãos será intenso e, com isso, há o risco de acidentes. Para garantir o fluxo no trânsito com segurança para os usuários desta via solicitamos ao governo do Estado a construção de um trevo de acesso à unidade”, adiantou o prefeito aos representantes da Cocamar.

 Diante da previsão de novos investimentos para Nova Andradina e outras unidades de Mato Grosso do Sul, o alcaide ainda sugeriu aos dirigentes da empresa que realizem um estudo de viabilidade para a construção de uma fábrica de fertilizantes e ração animal. “As propriedades apostaram na cultura da soja, mas também houve um crescimento considerável do rebanho bovino e há espaço para este setor. Ao atuar neste ramo, a Cocamar poderá oferecer uma gama ainda maior de serviços aos associados”.

Unidade Nova Andradina e atuação da cooperativa

Atualmente, a região atende à demanda de 200 cooperados, acrescidos os volumes entregues por outras cooperativas da região e também as compras efetuadas junto a terceiros. Nova Andradina é o pólo que mais recebeu soja de todas as unidades da Cocamar. A equipe de profissionais conta com 40 funcionários fixos e outros 30 temporários, contratados ao longo do ano.

 


Tags: Cocamar; visita; obras,
Cogecom

Rede Sociais