Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

O Conselho Municipal de Turismo está trabalhando no sentido de planejar, apoiar e qualificar ações em conjunto com os outros municípios da Região Turística do Vale das Águas.

Cb image default
Divulgação

Em reunião realizada no auditório da Prefeitura Municipal nesta terça (9), o Comtur definiu estratégias para tentar elevar Nova Andradina à categoria “Colher”, a maior classificação turística aos municípios de Mato Grosso do Sul.

A avaliação para classificação dos municípios é realizada a cada 2 anos pela Fundação de Turismo do Estado. Em 2017, o município estava na categoria Semear, em 2019 evoluiu para a categoria Frutificar, e agora a meta é avançar para a categoria “Colher”, a importância das classificações se dão principalmente nas tratativas de recebimento de benefícios ao setor, através de políticas de governança, gestão pública municipal, sustentabilidade do município, infraestrutura turística e mercado.

Outros temas abordados foram o Cadastur, a atualização do Mapa de Turismo 2021 e a realização de ações regionais, em conjunto com o Fórum de Turismo Vale das Águas. 

Cb image default
Divulgação

Ação regional: Circuito de Ciclo Turismo

De acordo com a presidente do Comtur, Carolina Kunimatsu, que recentemente também foi eleita presidente do Vale das Águas, uma das propostas é trabalhar no desenvolvimento do Circuito de Ciclo Turismo do Vale das Águas. "A Ideia foi compartilhada e recebida por todos os 7 municípios que hoje integram a Região Turística do Vale das Águas. Começaremos os trabalhos convidando os grupos de ciclismo que cada município já possui e levantando as rotas já existentes", relatou

No sentido de qualificar essa ação estão sendo organizadas parcerias com o setor público e privado. O IFMS campus Nova Andradina e a Associação Comercial de Nova Andradina, já se mostraram parceiros.

A conselheira Débora Ocon, representante do Instituto Federal, falou sobre a possibilidade de firmar uma parceria,com o intuito da organização para criação de um aplicativo do Circuito, para que os participantes possam monitorar e compartilhar as Rotas percorridas. 

Cb image default
Divulgação

Além disso, o Instituto Federal está intermediando a contratação de estagiários para realização do cadastramento das empresas no Cadastur. Esse cadastro é gratuito e muito importante para o monitoramento do volume de empresas turísticas de cada município.

“Atualmente são 29 empresas cadastradas. A adesão de mais empresas pode contribuir para melhorar a pontuação na classificação turística e, consequentemente, facilitar a captação de recursos para novos eventos. Este trabalho de sensibilização está sendo feito pelo Comtur e pelo governo municipal, através da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Integrado”, informa o coordenador da área de turismo, André Delgado.

A ACINA é outra parceira e já se colocou à disposição para ajudar nos processos de incentivo ao Cadastur, a criação e captação e eventos para o município, ainda, a Associação está responsável pela condução da Câmara Setorial de Turismo e Eventos, e está à frente da organização da Incubadora de Eventos de Nova Andradina.

Para os próximos dias, os membros do Comtur irão marcar uma reunião na FUNDTUR com o propósito de levar as demandas do Município e da Região Vale das Águas, tomar ciência dos editais disponibilizados pela instituição e verificação do detalhamento da pontuação atual do Município.

Por último, o secretário Hernandes Ortiz informou que a Prefeitura de Nova Andradina firmou parceria com o SEBRAE-MS, para desenvolvimento do programa Cidade Empreendedora, no qual dispõe de diversos eixos de atuação, entre eles, o principal eixo Cidade de Negócios.m.