Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Ação é promovida pelo programa Cidade Empreendedora, executado em parceria com a Prefeitura Municipal, Sebrae e Senai.

Cb image default
foto:William Gomes

Cada vez mais o mercado de trabalho exige capacitação e novos conhecimentos. Ir atrás destes diferenciais fazem a diferença na hora de buscar um emprego. Pensando nisso, a Prefeitura de Nova Andradina, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Integrado (Semdi) está oferecendo cursos de qualificação profissional.

Em 10 dias, cerca de 400 pessoas estão sendo capacitadas gratuitamente nas nas áreas de transformação digital, informática, panificação e construção civil. As aulas teóricas e práticas acontecem dentro de carretas equipadas com maquinários de ponta, disponibilizados através da parceria do governo municipal com Senai e Sebrae, dentro do programa Cidade Empreendedora. 

Cb image default
foto:William Gomes

E a experiência de participar dessa formação foi positiva na vida das pessoas. Isso é o que nos revela jovens e trabalhadores que compartilharam as suas impressões sobre o curso de panificação com o secretário Hernandes Ortiz.

A jovem Valquíria Rodrigues de Araújo (25) costuma fazer bolos e salgados para os amigos e familiares, e viu neste curso a oportunidade de adquirir conhecimento.

“Este é o primeiro curso de capacitação que participo, porque não tinha como pagar. Agora, pretendo colocar em prática tudo que aprendi aqui. Primeiro, para os meus parentes. Depois, quem sabe, vender e ganhar dinheiro com isso”, diz esperançosa.

Valquíria conta que a receita de pão com beterraba a surpreendeu demais. “Você pensa que poderia ficar com um gosto forte, mas é uma delícia. Num vejo a hora de fazer essa receita em casa. Em poucos dias, aprendemos muito, vale muito a pena”.  

Cb image default
foto:William Gomes

Gabriela Duarte de Souza (17) conta que a paixão pela cozinha é algo que adquiriu da família. A tia é confeiteira e isso despertou a vontade de aprender mais sobre o ofício. “Foi uma experiência maravilhosa. A professora tem um jeito de ensinar que eu consigo entender super bem. Informações sobre higiene e manipulação dos alimentos, além de dicas importantes sobre data de vencimento dos produtos e precificação. Agora, é começar a praticar em casa”, comentou.

Cb image default
foto:William Gomes

Roselaine Furtado (39), já atua no mercado de panificação. Ela comercializa pão caseiro, cuca, rosca doce e fatia húngara. Todo o processo de produção ela aprendeu com a sogra, mas devido ao aumento na procura pelos seus produtos viu a necessidade de adotar técnicas mais eficientes para evitar perdas.

“Aumentou muito meu conhecimento, tirou muitas dúvidas, conheci técnicas para evitar desperdícios de alimentos e erros de cálculo de preço, para não ter prejuízo e nem cobrar a mais do cliente. Está sendo uma qualificação profissional importante, uma experiência sensacional”, relatou, comemorando também até algumas vendas para os próprios participantes do curso.

“Parei uma semana de trabalhar, mas ganhei conhecimento que vai auxiliar e aperfeiçoar meu trabalho. Além disso, tive a oportunidade de apresentar os meus produtos, fiz meu marketing pessoal e consegui até umas vendas. A gente pode trocar ideias, conhecer novas técnicas, foi algo gratificante demais. O governo municipal está de parabéns pela iniciativa, é disso que precisamos”, reiterou Rose. 

Cb image default
foto:William Gomes

A instrutora de alimentos do Sebrae, Alessandra Sampaio de Souza, é a responsável pela formação da turma de panificação. Ela conta que todos os cursos ofertados são destinados às pessoas que querem ingressar no mercado de trabalho, abrir um negócio ou buscar aprimoramento profissional.

“É um curso completo, que engloba a parte teórica e a prática, pois muitos já estão no mercado, mas não tem a técnica adequada, não sabem a função dos ingredientes ou como fazer a precificação de um produto. Dicas sobre higiene e manipulação de alimentos. Estou muito feliz com os resultados porque realmente as pessoas estão buscando conhecimento e vão sair mais preparadas profissionalmente”. 

Cb image default
foto:William Gomes

Titular da Semdi, o secretário Hernandes Ortiz, disse que é gratificante conhecer as histórias de vida, saber que essa iniciativa pode abrir as portas do mercado de trabalho e melhorar a autoestima das pessoas e gerar mais desenvolvimento para o município. “Capacitar e qualificar o empresário e o trabalhador é a missão que nos foi dada pelo prefeito Gilberto Garcia. Para isso, fomos buscar parcerias para trazer esses cursos, oportunizando conhecimento que vão fazer a diferença no seu negócio e melhorar a vida da nossa gente. Nossa missão é fazer as pessoas crescerem porque se elas crescem, nossa cidade também irá prosperar cada vez mais”, ressaltou.

Diante do sucesso dessa iniciativa, Hernandes disse que tem planos para a realização de um festival gastronômico e novos cursos de qualificação profissional. 

Capacitação integra o programa Cidade Empreendedora

Esta capacitação profissional é uma ação promovida pelo programa Cidade Empreendedora, executado em parceria com a Prefeitura Municipal, Sistema Fiems, por meio do Senai e Sebrae.

A iniciativa trouxe para o município quatro carretas equipadas com maquinários de ponta que estão oferecendo para a população cursos gratuitos nas áreas de Transformação Digital, Informática, Panificação e Construção Civil.

As carretas estão acampadas no estacionamento da prefeitura até o dia 20 de outubro. Os cursos são oferecidos de segunda-feira a sábado, no período da manhã, das 8h às 12h, e à tarde, das 13h30 às 17h30, de acordo com carga horária de cada capacitação.