Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

O isolamento social é parte da explicação para a cidade ter alcançado esses índices.

Cb image default
Arquivo/Cogecom

Nova Andradina registrou aumento no volume de resíduos domiciliares e na coleta de materiais recicláveis arrecadados durante os primeiros 5 meses deste ano.

Cb image default
Arquivo/Cogecom

Segundo informações da direção da empresa Transresíduos, responsável pela operacionalização do tratamento do lixo orgânico e coleta do lixo reciclável no município, o isolamento social e a maior permanência das pessoas nas residências durante a quarentena em razão do coronavírus, pode ser parte da explicação para a cidade ter alcançado esses índices.

Soma-se a este fator, a participação e maior interação da população com o processo de separação e descarte correto do lixo, e a realização dos Ecopontos Itinerantes nos bairros.

Cb image default
Divulgação

Em média, a coleta seletiva arrecadou 22 toneladas de materiais de reciclagem entre janeiro e maio de 2020. Também houve um incremento no volume de lixo comum ou de resíduos sólidos, principalmente nos meses de fevereiro e março. A média geral é 782 toneladas/mês, sendo nesses meses saltou para 838 toneladas.

Cb image default
Focco Vídeo

Segundo Renato Mustafá de Albuquerque, diretor da Transresíduos, desde a implantação do serviço de coleta seletiva, há exatamente um ano, a arrecadação de recicláveis vem aumentando consideravelmente, no entanto, o mercado ainda pode crescer muito. Por isso, a empresa em parceria com a Prefeitura de Nova Andradina investe na conscientização e na educação ambiental dos moradores, principalmente nas escolas.

“O trabalho educativo ficou prejudicado neste semestre, então, optamos pela divulgação do cronograma da coleta seletiva por meio de carro de som e entrega de panfletos. Também temos um canal de comunicação com os moradores para tirar dúvidas ou solicitar a coleta de recicláveis”, destaca o responsável pela empresa.

Tire suas dúvidas sobre o cronograma da coleta seletiva nos bairros ou faça sua reclamação na sede da Transresíduos, que está localizada na rua 7 de Setembro, 1627. Fone (67) 99847-4595.

Ao fazer uma análise deste primeiro ano da implantação da coleta seletiva e dos serviços no aterro sanitário, o secretário titular da pasta de meio ambiente e desenvolvimento integrado, Hernandes Ortiz, disse que a experiência foi muito positiva para a cidade, mas deve avançar ao longo dos anos a partir dessa nova política ambiental que vem sendo adotada pela gestão atual.

“Somente uma pequena parte dos materiais potencialmente recicláveis coletados nas casas e ruas da cidade são, de fato, recuperados. Campanhas de informação e conscientização das pessoas, investimentos na infraestrutura física de coleta e triagem, entre outros pontos estão sendo aprimorados”, frisou o gestor, ao lembrar que nesta segunda-feira, dia 1 de junho, teve início a Semana Municipal do Meio Ambiente.  

Cb image default
Arquivo/Cogecom

Coleta Seletiva de recicláveis

A coleta seletiva está sob a responsabilidade da Transresíduos. É executada por um caminhão baú, um motorista e dois catadores. Também atuam 12 profissionais, entre eles operadores de máquinas, técnico em meio ambiente, motoristas e engenheiro ambiental.

Além das equipes de colaboradores da empresa, a separação é feita pela equipe da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Nova Andradina - NOVA LIMPA.

“Todos os recursos provenientes da coleta seletiva e da venda de material reciclável são destinados aos catadores ligados à Associação”, disse Renato.

Cb image default
Divulgação

Coleta de lixo domiciliar

Já a coleta de Lixo domiciliar bem como de estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços é de responsabilidade da Prefeitura de Nova Andradina. É executada pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos.