Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Assembleia de instalação dos condomínios antecede a vistoria, assinatura dos contratos e entrega das chaves aos contemplados pelos 128 apartamentos do “Bom Menino”

Cb image default
Foto: João Claudio

Nesta sexta-feira (15), foi iniciado o plano de trabalho social junto aos futuros moradores dos Condomínios Residenciais Zulmira Cesar de Oliveira e Maria Augusta Ferreira de Oliveira, popularmente conhecido como Condomínio “Bom Menino”.

Para tanto, todas as famílias contempladas foram convocadas a participar de uma assembleia geral com a finalidade de formalizar a instalação dos condomínios para regularização em cartório. Na oportunidade, foi realizada a eleição das diretorias composta por síndico e conselho consultivo (três membros efetivos e subsíndico), discussão e aprovação do valor da taxa de implantação dos condomínios e a definição do prazo para o pagamento da taxa dos condomínios.

Esta etapa antecede a vistoria, assinatura dos contratos e entrega das chaves das unidades habitacionais aos novos condôminos. 

Cb image default
Foto: João Claudio

A empresa de consultoria Societas será a responsável pela condução deste plano de trabalho social, que é item obrigatório nos empreendimentos do Programa Minha Casa, Minha Vida. O objetivo é a criação de mecanismos capazes de viabilizar a participação dos beneficiários nos processos de decisão, implantação e manutenção dos bens e serviços, a fim de adequá-los às necessidades e a realidade dos grupos sociais atendidos, bem como consolidar a gestão participativa dos condomínios.

Cb image default
Foto: João Claudio

A equipe contratada organizou os trabalhos nesta primeira assembleia. A Caixa Econômica Federal também esteve representada e de todos os servidores da Agehnova acompanharam a assembleia.

Cb image default
Foto: João Claudio

“Durante um ano vamos auxiliar na gestão do empreendimento, através da realização de reuniões, palestras temáticas, entrevistas, dinâmicas de grupos, oficinas e outras atividades socioeducativas para facilitar a organização comunitária no tocante a questões como meio ambiente, saúde, geração de renda, educação sanitária e gestão condominial”, explica Leiner Terruya.

Cb image default
Foto: João Claudio

De acordo com o diretor presidente da Agehnova, Luciano Leal, a adesão das famílias foi muito positiva. “O auditório estava cheio. As famílias estão interessadas e ansiosas para começar vida nova na nova moradia. A Prefeitura segue cumprindo todas as legislações vigentes, ponto de controle, trabalho social, relacionamento com a Caixa, enfim, todas as etapas previstas no prazo estabelecidos”, relatou.

Para que os trabalhos avancem até a inauguração do empreendimento e entrega de chaves às famílias é necessário finalizar dos tramites entre Caixa e Construtora, para legalizar junto aos órgãos instituídos. 

Diretoria eleita

Condomínio Residencial Zulmira Cesar de Oliveira

Síndica – Angelita Rodrigues de Brito

Subsíndica – Sandra da Silva Azevedo

Presidente do Conselho – Ainath de Faria Conegudes

Vice-presidente do Conselho – Nadir Azevedo Sirqueira.

Secretário – Antenor Barrios Junior

Valor da taxa de implantação do condomínio – R$ 100,00

Condomínio Residencial Maria Augusta Ferreira de Oliveira

Síndico – Matheus da Silva

Subsíndico – Welison Vitor Ventura Queroz

Presidente do Conselho – Jocimara Nunes Monteiro

Vice-presidente do Conselho – Ana Paula Mendes

Secretário – Sandy Ferreira Soares

Valor da taxa de implantação do condomínio – R$ 100,00