Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Praticamente 90% dos testes positivos são de pessoas que receberam visita de parentes e amigos ou viajaram para outros municípios para comemorar as datas festivas.

Cb image default
Foto Geraldo Bubniak

As festas de fim de ano fizeram disparar o número de testes positivos para Covid-19 em Nova Andradina. Somente nesta quinta-feira (6) foram contabilizados 51 casos novos. No total, o município tem 111 casos ativos para a doença.

Segundo levantamento preliminar da Secretaria Municipal de Saúde, praticamente 90% dos testes positivos são de pessoas que receberam visita de parentes e amigos ou viajaram para outros municípios para comemorar as datas festivas. Dos 111 casos ativos, 05 pessoas não tomaram a vacina, sendo 4 crianças e um adulto. Os demais infectados tomaram ao menos a primeira dose do imunizante.

A enfermeira Rosenilda da Silva Alves Leite, responsável pelo setor de vigilância epidemiológica, solicita que todas as pessoas com sintomas como tosse, dor de garganta, febre, calafrios, dor de cabeça, distúrbios gustativo, distúrbios olfativos, coriza, obstrução nasal e diarreia, procurem as ESFs para que façam o teste da COVID -19.

“Estamos vivendo um boom de casos após as festas natalinas mas, por enquanto, não há registro de óbitos. Estamos apenas com uma internação, cujo paciente está com suspeita de Covid. O resultado do exame provavelmente sairá hoje. Os ativos apresentam sintomas leves, o que podemos atribuír à vacinação contra a Covid-19”, explicou Rosenilda.

Conforme análise da saúde, é notório que houve um aumento substancial de casos. Em 17 de dezembro passado, Nova Andradina havia zerado o número de contaminados com a doença. No último dia do ano de 2021, apenas 2 casos novos registrados. A partir da primeira semana de janeiro, os casos começaram a explodir. Dia 4, o município contabilizava 25 ativos e, em dois dias, houve um salto gigantesco para 111 positivos.

“O número de casos confirmados e suspeitos nos preocupa, pois hoje temos 30 pessoas aguardando resultado de exame. A variante ômicron está se espalhando e, se ela não é tão letal, por outro lado, a transmissão é muito rápida. A vacina está fazendo a sua função que é atenuar os sintomas graves da doença e impedir mortes, assim como a vacina da gripe está disponível em todos os postos de saúde”, informa o secretário da saúde Sérgio Maximiano.

A procura nos postos de saúde para tomar o imunizante aumentou nos últimos dias e nesta segunda-feira, dia 10 de janeiro, estará chegando mais doses da vacina.

Sérgio disse ainda que algumas pessoas relaxaram, achando que a pandemia acabou, por isso houve um aumento do número de casos da COVID-19. Soma-se a este fator a gripe influenza, que veio de forma inesperada nessa época do ano. “Muitos deixaram de higienizar as mãos, andam com a máscara abaixo do nariz e estão se aglomerando. Com as festividades, isso piorou e o resultado está aí. Estamos caminhando para um novo pico de casos”, alertou.

A Secretaria Municipal de Saúde orienta para que as pessoas mantenham as medidas preventivas e procurem a unidade de saúde para se vacinar.