Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações
Cb image default
João Cláudio 

A Secretaria Municipal de Saúde contratou temporariamente 6 computadores para inserir dados dos vacinados no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI). A informatização deste sistema garante agilidade na digitação de dados da vacinação Covid-19.

Os equipamentos foram disponibilizados à equipe de profissionais de saúde, que é responsável lançamento dos dados dos cidadãos no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI). Esses mesmos dados também ficam disponíveis na E-vacine (plataforma brasileira que centraliza todas as informações relacionados à pandemia do novo coronavírus), onde são contabilizadas as doses ministradas, separadas por 1ª e 2ª doses e pelas demais categorias do sistema.

De acordo com a coordenadora Greice Lavares, até pouco tempo, a alimentação de todo sistema era realizada de forma manual. “As informações eram preenchidas numa ficha impressa e depois lançadas no sistema. Era necessário fazer 2 vezes o mesmo serviço. Agora, os dados são inseridos diretamente no SI-PNI”, revela a responsável técnica da campanha de vacinação.

A única exceção ocorre quando o cidadão ainda não está com o cartão do SUS atualizado. Neste caso, todo o trabalho ainda é feito manualmente, para evitar que a vacina seja contabilizada para outro município.  

Cb image default
João Cláudio 

Para maior agilidade nos trabalhos, a coordenadora Greice solicita aos cidadãos que ainda não tem o seu cartão do SUS atualizado, que se dirijam a sua ESF para providenciar.

A vacinação está ocorrendo diariamente no Ginásio de Esportes, de acordo com o cronograma da saúde. O contrato de locação dos computadores foi feito com recursos próprios e os equipamentos estarão disponíveis até o encerramento da campanha.

Todos os dados que são lançados no sistema do Ministério de Saúde possibilitam um melhor acompanhamento do avanço da cobertura vacinal contra a Covid-19. Cada vacina digitada é uma dose contabilizada para a cidade, para o estado e para o Brasil como um todo.