Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

O Polo de Triagem será instalado no Centro de Eventos Professor José Antonio Zanquetta, a partir do dia 23 de abril, com atendimento das 07h às 18h.

Cb image default
Divulgação

No boletim deste sábado, dia 18, o secretário de saúde Sérgio Maximiano trouxe os dados atualizados da COVID-19 em Nova Andradina, falou sobre a obediência à obrigatoriedade do uso de máscara pelos órgãos públicos e estabelecimentos privados.

Nova Andradina continua com 11 casos confirmados de Covid-19; 1 caso em investigação e 46 pessoas monitoradas.

“No momento, não há nenhum paciente internado, em isolamento no Hospital Regional. Além disso, o número de atendimentos na Unidade Sentinela caiu nos últimos dias, de uma média de 30 para 19 atendimentos. Isso significa que as medidas adotadas estão sendo eficientes e que todos, de maneira geral, estão fazendo a sua parte”, declarou o secretário titular da saúde.

Outro assunto abordado diz respeito ao início do atendimento no Polo de Triagem para atendimento exclusivo a pacientes com suspeita da doença e outras síndromes gripais, que começa a funcionar na próxima quinta-feira, dia 23 de abril.

Inicialmente, o novo serviço passaria a operar logo após o feriado de Tiradentes, mas em virtude a montagem da estrutura não haverá tempo hábil para finalizar este trabalho.

O Polo de Triagem será instalado no Centro de Eventos Professor José Antonio Zanquetta, com atendimento das 07h às 18h de forma ininterrupta, por demanda espontânea, sem necessidade de agendamento prévio.

Nos mesmos moldes de um hospital de campanha, o polo contará com corpo clínico formado por uma equipe multiprofissional, com médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e farmacêuticos. Todos os profissionais foram preparados para fazerem o diagnóstico clínico dos pacientes e, em caso de necessidade, encaminhar os casos mais graves para uma unidade hospitalar.

Mato Grosso do Sul registra 161 casos confirmados de coronavírus e monitora 50 suspeitos

Mato Grosso do Sul bateu novo recorde de casos confirmado de Covid-19 em 24 horas, com 18 novas confirmações nas últimas 24 horas, sendo 14 destes em Campo Grande. Com isso, o número de casos confirmados da doença no Estado chega a 161, além de outros 50 suspeitos e cinco mortes.

As informações estão no boletim epidemiológico divulgado neste sábado (18.04) em coletiva de imprensa online com autoridades do Governo do Estado.

Dos 161 casos confirmados, 56 estão em isolamento domiciliar, 64 já finalizaram a quarentena e estão sem sintomas. 22 estão internados (Em UTI, tem 10 pacientes), sendo onze em hospitais públicos e onze em hospitais privados. 14 pacientes tiveram alta hospitalar e foram registrado cinco óbitos.

20 dos 79 municípios de MS tem casos confirmados de Covid-19, com uma tendência de interiorização da doença.

O estado continua ocupando o último lugar no ranking de estados que cumprem o isolamento social, com taxa de 42,4% pessoas que ficam em casa.

Conforme o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, é a primeira vez que as internações em hospitais públicos e privados chega a um equilíbrio, o que gera preocupação.

“O mapa de internação nos primeiros dias a internação das pessoas era tudo em hospitais privados, ou seja, pessoas da classe média, classe média alta, e agora nós temos hoje um equilíbrio, isso mostra que a doença chegou na população mais pobre do nosso estado, na população que é mais vulnerável e aquela que mora nos bairros operários e da periferia. Isso nos preocupa e o ficar em casa, o aderir ao isolamento social é o melhor remédio para a gente combater o Covid-19”, disse. 

Cb image default
Divulgação