Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Desde a inauguração, equipe já atendeu mais de 16 mil chamados. O atendimento móvel de urgência e emergência é feito através do número 192

Cb image default
Divulgação

Salvar vidas. Esta é a grande missão do SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Celebrando nesta sexta-feira, dia 1 de outubro, 8 anos de serviços prestados em Nova Andradina, a instituição de atendimento pré-hospitalar é motivo de orgulho, pois presta um serviço de excelência e construiu uma história forte na saúde pública do município.

Desde a sua criação, a equipe já atendeu 16.171 chamados, dos quais 12.754 foram atendimentos clínicos e 3.417 atendimentos por traumas. Somente neste ano de 2021, foram registrados 1290 atendimentos até o dia 28 de setembro. O atendimento móvel de urgência e emergência é feito através do número 192. 

Cb image default
Divulgação

A ligação é atendida na Central de Regulação em Dourados por um TARM – Técnico Auxiliar de Regulação Médica que colhe os dados do solicitante e transfere imediatamente a ligação para o MÉDICO REGULADOR, que é o responsável pela triagem e classificação da emergência, de acordo com a necessidade da ocorrência.

Na análise da enfermeira e coordenadora, Graziela Braz da Silva, o Samu preenche uma lacuna importante ao minimizar as consequências nefastas ocasionadas pelo improviso e/ou falta de preparo no momento do socorro às situações de urgência/emergência. 

Cb image default
Divulgação

“Três palavras resumem o trabalho dos profissionais e a história do SAMU: acreditar, coragem e confiança. Acreditar que é possível fazer a diferença na vida das pessoas. Coragem para enfrentar os desafios que se apresentam no dia a dia. Confiança por parte da população, pois o compromisso principal é com as pessoas”, comentou Graziela.

A técnica em enfermagem, Ana Maria Seleguim, que faz parte da equipe há 7 anos, é grata pela oportunidade de trabalhar no SAMU, pois a experiência trouxe ganhos na sua vida pessoal e profissional.

“Este é um trabalho que só me faz crescer, tanto profissionalmente como pessoalmente. Ajudar a socorrer as pessoas, salvar vidas, é uma sensação indescritível, me faz sentir bem. Já passei por muitas coisas ao longo desses anos e o sentimento é de gratidão”, disse.

Cb image default
Divulgação

Como é a atuação do SAMU

• ORIENTAÇÃO POR TELEFONE: Quando a situação do paciente pode ser resolvida por telefone, tanto por uma orientação de encaminhamento como outras orientações médicas.

• DESLOCAMENTO DE VIATURAS: De acordo com a gravidade da ocorrência, o médico envia a viatura ao local para atendimento.

Cb image default
Divulgação

Quando devemos acionar o SAMU?

• Dores no peito de aparecimento súbito

• Crises convulsivas

• Perda da consciência

• Sangramentos e hemorragias

• Acidentes de trânsito com vítimas

• Traumas em tórax, abdômen e fraturas

• Situações de intoxicação ou envenenamento

• Queimaduras graves

• Trabalhos de parto com risco de morte da mãe ou do feto

• Quedas acidentais

Orientações importantes para facilitar o atendimento pelo SAMU:

• Tentar manter a calma quando fizer a solicitação via telefone, para que as informações solicitadas pela equipe da regulação sejam repassadas da melhor forma possível;

• Passar o endereço, o mais correto possível, para facilitar a localização pela equipe, agilizando a chegada do socorro

• E principalmente, ouvir atentamente as orientações do médico regulador, ajudando o paciente no que for possível até a chegada da ambulância e diminuindo possíveis complicações.

A equipe técnica que compõe o SAMU de Nova Andradina está composta pelos seguintes profissionais:

• Enfermeira:

Graziela Braz da Silva

• Técnicos de Enfermagem:

Ana Maria de Souza L. Seleguim

Edna da Silva Amarante

Milena Cristina da Silva

Marcos Ribeiro Vital

Rosimeire Holanda da Silva

• Condutores Socorristas:

Adriano de Souza Toloti

Marcos Roberto Novais Teles

Rodrigo Barbosa Duarte

Silvio Luiz Rodrigues.