Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Gilberto Garcia vistoriou os serviços realizados e parabenizou os servidores da Secretaria Municipal de Serviços Públicos pelo trabalho prestado.

Cb image default
João Cláudio 

A prefeitura de Nova Andradina, através da Secretaria Municipal de Serviços Públicos, reconstituiu a represa do ribeirão localizado na região do assentamento Angico, próxima à Escola Municipal Delmiro Bonin, distante 44 km da sede do município. Construído no início da década de 1990, o represamento não suportou as chuvas torrenciais da última semana do ano de 2020, registradas na região do distrito Nova Casa Verde.

O secretário municipal de Serviços Públicos, Roberto Ginel, informou à reportagem que para a reconstruir a represa foi disponibilizado um plantel de maquinários. Durante um mês, uma força tarefa de servidores da prefeitura atuou operando retroescavadeira, pá carregadeiras e patrola, além de caminhões-caçamba, através dos quais foram transportados, aproximadamente, 480 viagens de terra para o local. Uma rede de tubo também foi instalada no aterro da represa, que serve de travessia ligando importantes linhas do Assentamento Casa Verde.

Cb image default
João Cláudio

No último fim de semana, as obras de reconstituição do aterro realizadas no local, foram visitadas pelo prefeito Gilberto Garcia, que vistoriou o local acompanhado do vereador João Dan e do secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Integrado Hernandes Ortiz. Gilberto parabenizou o trabalho realizado pelos servidores da Secretaria de Serviços Públicos e explicou que volumes recordes de chuva registrados entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021, demandaram várias ações emergenciais nas zonas urbana e rural do município.

Cb image default
João Cláudio

Diante dos desafios, o prefeito de Novas Andradina Garcia elencou as prioridades e estabeleceu um programa de recuperação de estradas, pontes e erosões, começando pelas principais estradas rurais, com atenção especial à reconstituição do aterro do Assentamento Angico. O represamento do ribeirão formava um grande lago artificial, responsável por atender tanto ao consumo de propriedades rurais vizinhas, como no impulsionamento de rodas d’água instaladas abaixo do aterro da represa. A expectativa é que o lago volte a atender a demanda por recursos hídricos das propriedades circunvizinhas.

Cb image default
João Cláudio